Auxiliares de Desenvolvimento Infantil de Mauá renovam comissão sindical

Em luta pela redução da exaustiva jornada de trabalho, os auxiliares de desenvolvimento infantil (ADI) da rede municipal de ensino se reuniram, nesta quinta-feira (21), na sede do Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos (Sindserv) de Mauá, para eleger a nova comissão laboral que conduzirá as atividades do seguimento pelos próximos dois anos.

20190221_reunia-geral-de-adi_foto-por-marcelo_orfao_003

Os auxiliares de desenvolvimento infantil elegeram a nova comissão sindical que vai representar o seguimento nas reuniões. (Foto: Marcelo Pereira Orfão/Sindserv Mauá)

Para os servidores, a redução de jornada de 40 para 30 horas semanais será a prioridade mas sem deixar de lado avanços importantes como a regulamentação do recesso, a sobrecarga de trabalho em razão da falta de concurso público e a melhoria das condições de trabalho.

A carga horária extensa, de 40 horas semanais, tem ocasionado problemas em diversos níveis de estresse e complicações à saúde. Compromete também a rotina nas escolas, uma vez que os servidores com problemas de saúde acabam por necessitar de afastamentos para tratamentos médicos, e não há substitutos para esses. Outros acabam por se desligar do serviço público em razão do desgaste físico, emocional, psicológico e mental, além da falta de motivações.

Eleita para a comissão sindical, a auxiliar de desenvolvimento infantil Joyce Freire Soledade, da escola Professora Márcia Regina Abraham, espera que a Prefeitura levem em consideração o desgaste dos trabalhadores. “Espero que a gente consiga ser mais ouvidas, que eles ouçam nossas propostas, que analisem mais”, defendeu. “Porque nossa jornada é muito grande e temos muitas colegas que estão afastadas por problemas de coluna ou tendinite”, relatou. “Que comecem a ver a gente com outro lado e que o sindicato nos dê suporte para lutar nessa caminhada”, reivindicou.

Para a auxiliar de desenvolvimento infantil Simone Gomes, da escola municipal Maria Rosemary de Azevedo, a comissão sindical pode ser a ponte entre a Prefeitura e os trabalhadores. “Venho agora fazer parte da comissão mas já estou presente na luta com as ADI’s há alguns anos, vejo que a comissão sempre é muito importante porque não se consegue escutar todas ao mesmo tempo e a comissão [sindical] faz essa ligação entre a Secretaria [de Educação] e a categoria”, pontuou. “Espero também que possamos unir todas as ADI’s num mesmo proposito, para melhorar as condições de trabalho [para os servidores] e a qualidade da educação para as crianças”, argumentou.

Na próxima semanal, o Sindserv vai encaminhar ofício à Secretaria de Educação e ao gabinete do prefeito Atila Jacomussi para comunicar sobre formação da nova comissão de ADI’s.

Redução exaustiva prejudica qualidade da educação

Segundo a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394, de 20/12/1996) e o Plano Nacional de Educação (Lei nº 10.172, de 09/01/2001), é na educação infantil que a criança “estabelece as bases da personalidade humana, da inteligência, da vida emocional e da socialização”.

20_07_2010_17_54_3b165f840db8f37dbc6dbe11ff8d1e17

Os auxiliares de desenvolvimento infantil atendem as necessidades das crianças e contribuem para seu desenvolvimento psicopedagógico. (Foto: Metodologia da Educação Infantil)

Nesse sentido, os ADI’s e auxiliares de apoio à educação inclusiva (AAEI) atendem necessidades diárias das crianças. Isso significa cuidar, supervisionar e orientar as crianças quanto à sua higiene corporal, hábitos alimentares, colaborar no desenvolvimento psicopedagógico, de condições que propiciem a construção do conhecimento da criança, e estabelecer com a ela regras de convivência, responsabilidade e assiduidade.

Há dificuldades significativas que podem prejudicar e até mesmo comprometer o desenvolvimento da criança. Por essa razão, os profissionais da equipe pedagógica devem estar em condições de desempenhar suas atribuições. Para isso, é necessário valorizar e melhorar as condições de trabalho por meio da redução da jornada semanal de ADI’s e AAEI’s.

Nova comissão sindical de ADI’s:

Joyce Freire Soledade – EM Profª Márcia Regina Abraham
Simone Gomes – EM Maria Rosemary de Azevedo
Tamiris Horni Lima – EM Patrícia Martinelli Ferreira Panigalli

Um comentário sobre “Auxiliares de Desenvolvimento Infantil de Mauá renovam comissão sindical

  1. Pingback: Auxiliares da Educação conquistam redução de jornada em Mauá | SINDSERV MAUÁ - Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos de Mauá

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.