Sindserv Mauá exige participação de GCM em comissão que visa reforma do estatuto

Em dois dias de reuniões com os servidores da Guarda Civil Municipal (GCM), realizados na segunda (2) e terça (3), na sede da corporação, o Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos (Sindserv) de Mauá exigiu do comando e da administração municipal a participação da categoria nas discussões sobre a reforma do Estatuto e da Lei Municipal nº 4.991/2014, que trata do plano de carreira.

Segundo o presidente do Sindserv, Jesomar Alves Lobo, o Sindicato defende que os guardas se mantenham unidos por meio da comissão de GCM, organizada pela entidade, e que participem efetivamente das reuniões. “O Sindicato vai estar lado a lado dos GCM’s para que as reivindicações da categoria sejam ouvidas e atendidas, exigimos a participação do Sindserv, que representa legalmente os GCM no município, em qualquer discussão sobre a reforma do estatuto da GCM e da Lei 4991/2014”, pontuou. “Aos GCM’s cabe acompanhar os trabalhos da comissão e participar das reuniões no Sindicato.

Além dos trabalhadores e dos diretores do Sindicato, participou das reuniões os integrantes do Comando da corporação em apoio às reivindicações da categoria.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.