Câmara Municipal de Mauá e Sindserv negociam 6,1% de reajuste a servidores do Legislativo

Em reunião com o Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos (Sindserv), nesta quinta-feira (6), o presidente da Câmara Municipal de Mauá, vereador José Carlos da Silva Martins, o Zé Carlos Nova Era, concordou com um reajuste de 6,1% aos funcionários do Legislativo. Também foram discutidos ajustes no vale refeição, no convênio médico e a implantação da assistência odontológica.

Segundo o presidente do Sindserv, Jesomar Alves Lobo, o avanço das negociações no Legislativo pode ajudar na evolução das tratativas com o Executivo. “O diálogo aberto e franco do presidente Zé Carlos Nova Era nos permitiu buscar meios e soluções para sanar a reposição das perdas inflacionárias aos servidores da Câmara”, pontuou. “[Ele] Também se colocou à disposição para auxiliar nas tratativas com o governo municipal pela reposição aos servidores da Prefeitura”, acrescentou.

Além do reajuste, o Sindserv cumprimentou o presidente Zé Carlos Nova Era pelas medidas assertivas, como majorar o vale-refeição, a substituição da operadora de convênio médico com a manutenção do plano familiar e a implantação do plano odontológico.

Inflação

O percentual de 6,1% corresponde ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que é o medidor oficial de inflação, dos últimos 12 meses.

Sindserv Mauá e Câmara Municipal chegaram a um entendimento em relação ao reajuste salarial dos servidores do Legislativo. (Foto: Sindserv Divulgação)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.