Sindserv formaliza enquadramento de professores celetistas ao prefeito Atila

O Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos (Sindserv) de Mauá formalizou junto ao prefeito Atila Jacomussi o pedido de enquadramento dos professores celetistas, nesta quarta-feira (11), no Paço Municipal. O documento entregue para o chefe do Poder Executivo aponta a necessidade de se estabelecer a isonomia salarial, já que as atribuições são as mesmas dos professores estatutários.

79122687_1469260333250912_1806714895421407232_o

O prefeito Atila Jacomussi recebeu o documento do Sindicato e vai encaminhá-lo à Secretaria de Educação. (Foto: Divulgação)

Para a diretora executiva do Sindserv Ana Lucia Barbosa e Silva, após a aprovação do novo estatuto do magistério e o recente enquadramento das merendeiras, os professores celetistas se tornaram o único seguimento da Educação a não ter o salário corrigido. “O Sindicato esteve, juntamente com a comissão de professores celetistas, no gabinete do prefeito e fizemos a entrega do documento que solicita o reenquadramento”, relatou. “Apresentamos a comissão eleita à secretária de Educação, Scarlett Angelotti, e ao coordenador de Educação Básica, Wagner Cipriano, para obter a dispensa dos integrantes para reuniões onde serão discutidos todos os encaminhamentos que deveremos realizar para que possamos obter êxito”, pontuou.

Celetistas

Os professores e professoras celetistas são aqueles(as) regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e que não aderiram ao Estatuto dos Servidores Públicos, em 2002. Atualmente são 74 na rede municipal de ensino.

As administrações passadas não atualizaram os vencimentos desses educadores, por isso foram geradas distorções salariais em relação aos estatutários que desempenham a mesma função e que estão no mesmo patamar da carreira.

Com a aprovação do novo estatuto do magistério, que beneficiará professores estatutários e auxiliares e do recente enquadramento de merendeiras e supervisores de ensino, os professores e professoras celetistas são o único seguimento da Educação que nunca recebeu qualquer atualização nos vencimentos.

Estudos

A pedido do Sindicato, a Secretaria de Educações iniciou o levantamento das informações necessárias para se abrir um procedimento administrativo a fim de dar início e celeridade às formalidades necessárias para a aplicação do enquadramento.

78076418_1469260273250918_188276320986202112_o79255704_1469260346584244_4552085405800857600_o78784454_1469260286584250_4043634803499597824_o

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.